Transporte farmacêutico

Transporte de medicamentos refrigerados: O que você precisa saber?

Muitos não sabem, mas o transporte de medicamentos refrigerados é um assunto sério que exige critérios e processos rigorosos para garantir que os produtos cheguem com qualidade ao destino.

Com a pandemia causada pelo COVID-19, esse assunto tornou-se ainda mais debatido, pois a segurança no transporte das vacinas chama a atenção não só dos órgãos públicos, como de toda a população.

O transporte de medicamentos refrigerados é uma atividade que oferece diversos desafios para as empresas, pois exige um cuidado redobrado e diversas particularidades diferentes de outras mercadorias. 

Quer entender melhor como funciona? Confira o artigo a seguir e descubra as principais regras e cuidados com o transporte de medicamentos refrigerados.

O que são medicamentos termolábeis?

Os medicamentos termolábeis são produtos sensíveis. O termo está ligado à sensibilidade térmica do item e precisa cumprir regras de armazenagem que variam de acordo com a temperatura informada pela indústria farmacêutica

A maioria dos remédios utilizados no nosso dia a dia não exigem recomendações especiais para transporte e armazenagem. Porém, os medicamentos termolábeis são produtos inovadores, com propriedades físico-químicas diferenciadas, que exigem critérios específicos para manter a qualidade e eficácia na utilização.

O transporte de medicamentos refrigerados como este, necessita de processos que garantam que nenhuma falha ocorra durante a logística. Por isso, a área é tão desafiadora e precisa cumprir regras estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A entidade é responsável por fiscalizar as atividades que envolvem a logística de remédios. A instituição também fornece o manual completo com as recomendações técnicas para auxiliar no trabalho das empresas de transporte de medicamentos refrigerados.

O manual traz informações sobre as condições adequadas para a distribuição, acondicionamento, movimentação e armazenamento desses produtos. 

Como funciona o transporte de medicamentos refrigerados?

O transporte de medicamentos refrigerados é a área da logística que garante que os remédios sejam coletados nas fábricas e entregues aos hospitais, farmácias e clínicas.

A principal função é garantir o deslocamento desses produtos de forma segura para serem disponibilizados para o consumidor final. 

Principais normas regulamentadoras

As normas que regulamentam o armazenamento e transporte de medicamentos refrigerados são estabelecidas pela Anvisa e Ministério da Saúde.

A principal delas é a  430/2020, que padroniza a qualidade na logística e no transporte de remédios termolábeis, impactando positivamente a eficácia destes produtos.

Exemplo prático desse tipo de produto são as vacinas que exigem temperatura máxima igual ou inferior a 8°C, conforme estabelece a norma.

Esses produtos precisam ser armazenados e transportados em equipamentos refrigerados e com monitoramento de controle de temperatura constante. Isso porque eles são altamente sensíveis às mudanças de temperatura e, caso sejam expostos a condições diferentes destas, sofrem alterações irreversíveis.

Outros dispositivos legais importantes para esse tipo de transporte são a Portaria 1052/98 e a Resolução nº 329/99. Estas, tratam da autorização de funcionamento no transporte de medicamentos, pagamento de taxas, documentação e autorização especial.

Vale citar também as normas como a RDC nº 318/2019 e a  RDC nº 50/2011, que envolvem os estudos de estabilidade de medicamentos e os procedimentos para o estudo de estabilidade de produtos biológicos, respectivamente, também precisam ser seguidas.

Além disso, empresas do segmento devem possuir:

  • Autorização de Funcionamento de Empresa (AFE), cedida pela ANVISA; 
  • Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB); 
  • Certificado de Regularidade Técnica (CRF) do Conselho Regional de Farmácia; 
  • Autorização de funcionamento emitido pela prefeitura;
  • Autorização Especial (AE), também fornecida pela ANVISA.

5 cuidados principais com o transporte de medicamentos refrigerados

Durante as etapas da logística no transporte de medicamentos refrigerados, é necessário adotar práticas que garantam a conservação, evitando que os produtos sejam danificados.

Confira quais são os principais cuidados com esse tipo de mercadoria.

Transporte

O transporte de produtos sensíveis à temperatura deve ser feito em recipientes e veículos adequados, que garantem a qualidade dos medicamentos.

Os profissionais envolvidos nesses processos precisam ser treinados para saber quais as melhores práticas durante a rota da mercadoria. Por exemplo, o veículo jamais pode ser estacionado no sol.  

Sistemas de Supervisão

Durante o caminho percorrido pelos medicamentos, um profissional precisa estar preocupado em garantir que as variações de temperatura não ocorram e prejudiquem a qualidade dos produtos. 

Além disso, sistemas de supervisão automatizados que permitem o controle de temperatura, são essenciais para garantir a qualidade durante o transporte dos medicamentos termolábeis.

Isso diminui consideravelmente as chances de qualquer erro na medição e registro da temperatura no veículo.

Gestão de estoque

A qualidade dos produtos já deve estar garantida antes mesmo do início do transporte. Aliás, de nada adianta ter uma distribuição bem organizada se o armazenamento do medicamento é feito de forma irregular.

O cuidado do estoque é algo que também influencia na qualidade e eficácia dos remédios termolábeis. 

Profissional farmacêutico

Empresas que atuam no transporte de medicamentos refrigerados precisam ter um farmacêutico responsável por identificar as necessidades de cada produto.

Características de conservação, o acondicionamento adequado dentro do veículo, higiene e limpeza dos ambientes devem ser definidas por este profissional.

Embalagem

O cuidado no transporte também envolve a forma como os produtos são embalados. Eles devem ser feitos de maneira adequada, evitando possíveis avarias ou problemas que comprometam a qualidade do medicamento.

As caixas utilizadas precisam ter um tamanho adequado, evitando que fiquem juntas ou longe demais e danifiquem os produtos durante o transporte.

A importância de contar com uma transportadora séria para prestar o serviço

Contratar uma empresa séria e capacitada para o armazenamento e transporte de medicamentos refrigerados é fundamental para garantir a qualidade e eficiência dos produtos.

Afinal, o serviço feito de forma correta, assegura também que a saúde dos pacientes não seja colocada em risco com possíveis danos do material.

Empresas que trabalham com logística farmacêutica precisam entender de todos os processos e seguir corretamente as práticas corretas para garantir o manuseio adequado descrito nas especificações da ANVISA e do fabricante do medicamento.

Caso o transporte seja de natureza internacional, as regras e políticas de saúde pública do país de destino também devem ser cumpridas.

Conte com uma empresa especializada e experiente para o transporte dos seus medicamentos. 

A TSA Cargo possui quase 3 décadas de mercado, sendo especialista nesse tipo de transporte.

Com o apoio dos profissionais da área, a empresa garante a qualidade, higiene e responsabilidade necessários no transporte de medicamentos.

Confie os seus medicamentos com especialistas no transporte de medicamentos refrigerados. Fale agora com nossos especialistas!

Newsletter

Nosso conteúdo na sua caixa de entrada

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Ao clicar no botão "Inscrever-se", você concorda com nossa Política de Privacidade