Transporte de cargas

Cargas de projeto, especiais e perigosas: tudo o que você precisa saber

Se você está em busca de informação sobre transporte de cargas de projeto, especiais e perigosas, este conteúdo é para você. Confira! 

Você sabe o que são as cargas de projeto, especiais e perigosas? No transporte rodoviário, as cargas são divididas por tipos para facilitar o transporte e a regulamentação exigida. Assim, há tipos de cargas que não demandam tantas exigências, podendo ser transportadas em caminhões comuns  e acomodadas de forma simples e outras que precisam ser transportadas em tanques próprios, contêineres ou caminhões adaptados. 

Esses transportes específicos de cargas especiais e perigosas precisam de uma logística e planejamento prévio para que o transporte ocorra em segurança tanto para o motorista que está levando a carga quanto para as pessoas que trafegam nas estradas e rodovias. Para entender melhor o assunto e conferir as regulamentações, leia o conteúdo até o final.

O que são cargas de projeto, especiais e perigosas? 

As cargas podem ser divididas em cargas de projeto, especiais e perigosas. Entenda melhor cada tipo. 

Cargas de projeto 

As cargas de projeto são aquelas em que as medidas, dimensões e peso são fora do padrão que permite o embarque em contêineres convencionais. Assim, é preciso que haja um estudo específico para que essa carga consiga ser transportada do destino inicial até o destino final em segurança.

Todo o processo, desde o estudo dos modais envolvidos, passando pela viagem, armazenamento e entrega no local, deve ser organizado previamente para que nenhum imprevisto ocorra. Normalmente, esse tipo de carga inclui reatores, turbinas, transformadores, guindastes, plataformas, pás eólicas e outros equipamentos de grande porte em geral. 

Em casos de transporte de grandes peças, como silos e usinas, os responsáveis pelo tráfego na rodovia devem ser acionados, como Polícia Rodoviária Federal ou as concessionárias, e as estradas precisam ser interditadas ou os batedores precisam acompanhar o transporte para que tudo corra bem. 

Cargas especiais

O transporte de cargas especiais aplica-se quando a carga é indivisível e compõem estruturas complexas de peso e dimensões enormes, acima dos padrões estabelecidos pelo código brasileiro. Assim, todas as cargas que não se enquadram nas resoluções 12/98 e 68/98 do CONTRAN são consideradas cargas especiais. 

As cargas especiais podem pesar mais de 50 toneladas e também são chamadas de excedentes ou indivisíveis, pois não podem ser separadas. Assim, independentemente do tamanho, é preciso fazer adaptações para transportar a carga de uma vez só. 

Cargas perigosas

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o transporte de cargas perigosas refere-se à movimentação de produtos de natureza química, biológica ou radiológica e que são nocivas ao meio ambiente e ao ser humano. Por isso, as cargas perigosas precisam ser transportadas seguindo algumas resoluções, para resguardar a segurança da do transporte. 

Existe uma lista de mais 3 mil substâncias que são enquadradas como cargas perigosas. Além disso, elas são divididas em substâncias explosivas, gases, líquidos inflamáveis, sólidos inflamáveis, substâncias tóxicas, material corrosivo e material radioativo. Com essa divisão, fica mais fácil saber o que está sendo transportado.

Afinal, é requisito obrigatório que os caminhões, além da documentação, possuam placas indicativas em sua carroceria com o código da substância transportada. Isso ajuda na identificação em casos de vazamentos ou acidentes. 

Quais os principais tipos de cuidados ao transportar essas cargas? 

O Brasil é um país que desenvolve grandes projetos industriais ligados à expansão de fábricas, construção de refinarias, hidrelétricas, termelétricas, indústria naval, offshore, projetos no setor de energia, por isso, é comum que haja o transporte de cargas de projeto e especiais por todo o país. 

Para transportar cargas de projeto, especiais ou perigosas, é indispensável que a transportadora siga todas as regulamentações exigidas. As resoluções podem ser criadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT), pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) ou Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN). Assim, as empresas de transporte devem ficar atualizadas sobre todas as legislações vigentes para conferir valores estipulados, limite de peso e dimensões para cada tipo de transporte. 

No caso de cargas importadas ou exportadas, a logística internacional é imprescindível e os responsáveis devem acompanhar pessoalmente o trabalho das operações de carregamento e descarregamento, pois são nessas fases que erros e avarias podem ocorrer. Além disso, no caso do transporte de cargas perigosas, todos os envolvidos precisam utilizar equipamentos de segurança e a carga deve ser acondicionada em locais compatíveis com suas características. 

Além das especificações acerca do caminhão e do transporte, todas as pessoas envolvidas no manuseio das cargas devem ser treinadas para isso. O motorista também deve carregar toda documentação e liberações necessárias para o transporte dessas cargas. 

Por isso, no caso do transporte de cargas de projeto, especiais e perigosas é fundamental contratar uma transportadora capacitada e com experiência nesse tipo de operação. Assim, você terá a garantia da segurança da carga e de todos os envolvidos no processo, bem como terá a entrega sendo realizada com agilidade e eficiência. 

Como encontrar a melhor transportadora? 

A TSA Cargo é uma transportadora que realiza transporte de cargas especiais, indivisíveis e perigosas. Com mais de 25 anos no mercado, a empresa tem experiência no transporte rodoviário de cargas de container, exportação e importação, tanto para FTL quanto para LTL, inclusive em regime de trânsito aduaneiro DTA.

Ajudamos indústrias importadoras e exportadoras a enviar suas mercadorias com agilidade, qualidade e segurança. Se você está em busca de uma transportadora que transporte esses tipos de carga, a TSA é a solução. Acesse nosso site e faça agora mesmo uma cotação online!

Newsletter

Nosso conteúdo na sua caixa de entrada

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Ao clicar no botão "Inscrever-se", você concorda com nossos Política de Privacidade